A reprodução das borboletas

A reprodução das borboletas

BorboletaAs borboletas são insetos que pertencem à ordem Lepidóptera, palavra grega que significa “asas com escamas” ou “asas escamadas”. Na classificação das Lepidópteras incluem-se também as mariposas.

De hábitos predominantemente diurnos, as borboletas têm sua alimentação baseada principalmente em néctar, todavia, podem também alimentarem-se de frutas em decomposição e minerais.

A alimentação se dá pela espirotromba, um complexo aparelho bucal situado em sua cabeça e de função semelhante a um canudinho, através do qual conseguem sugar os alimentos.

O ciclo de vida das borboletas compreende quatro fases, a do ovo ou larva, lagarta, pupa e imago ou fase adulta.

Quando adulta, a borboleta tem somente uma função: a reprodução. No período de maturidade sexual os machos saem à procura de fêmeas e, nesse processo, produzem e liberam uma espécie de “perfume” que as excita, deixando-as aptas à reprodução.

No acasalamento, o esperma do macho é transferido para uma bolsa lateral localizada dentro do abdômen da fêmea. A fecundação se dá somente na oviposição, ou seja, quando a fêmea comprime a bolsa juntamente com o esperma do macho.

OvosApós o acasalamento, a fêmea procurará por uma planta dotada de folhas seguras e nutritivas para fazer o depósito de seus ovos.

Na natureza as condições para uma borboleta atingir a vida adulta são realmente difíceis, tanto que, de cada 100 ovos postos por uma fêmea, apenas dois conseguirão efetivamente chegar à maturidade transformando-se em borboletas adultas.

Após o deposito dos ovos, inicia-se novamente o ciclo de vida desses magníficos animais, passando por lagartas, pupa e, novamente, borboletas adultas.

O tempo de vida de uma borboleta adulta pode variar de acordo com sua espécie. Algumas não vivem mais do que alguns dias, enquanto outras podem sobreviver por meses.

13 comentários em “A reprodução das borboletas”

  1. essa borboleta que isabela tenani falou também conhecida como Dryas iuia,flambeau e julia se alimenta do polen de maracuja,vive nas américas do sul e sua longevidade,de até 6 meses ,deve ser rica em dieta alimentar.seu aparelho bucalp permite retirar o polen das flores (proteinas)e beber liquidos liquidos como lagrima e urina de jacaré para obter sais minerais .Ela mede 9,5 centimetros de envergadura e deposita seus ovos espalhados em varios lugares para evitar o canibalismo entre as vorazes larvas amo ela tambem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Icons made by Gregor Cresnar from www.flaticon.com is licensed by CC 3.0 BY
Icons made by Smashicons from www.flaticon.com is licensed by CC 3.0 BY